Já lá estivemos todos. Já fomos assim.

Vai falar com alguém que gostaria de impressionar, e pensa que vai fazer uma figura de tolo. Vai tentar encontrar as palavras que os faça gostar de si, mas tudo o que normalmente sai é uma série de asneiras que soam a desonesto que o faz ficar chocado consigo mesmo.

A estranheza paira sobre a conversação como uma nuvem de cogumelos, até que a outra pessoa finalmente encontre uma forma de fugir dali para fora. Depois, fica ali de pé, sozinho, a tentar perceber o que aconteceu e porquê perdeu a sua única oportunidade de os fazer gostar de si.

Afinal tornou-se num aspirante. Pior, suspeita que a outra pessoa sabe disso. E não há nada que possa fazer sobre isso.

Parece-lhe familiar? A verdade é que sentir-se como um aspirante é muito comum, não só na vida real, mas também on-line. A blogosfera está cheia de aspirantes, pessoas que escrevem qualquer coisa se lhes der um pouco de atenção. É uma condição lamentável, decorrente nada mais, nada menos duma necessidade desesperada de ser notado e reconhecido.

Vamos falar sobre como isso acontece e o que fazer.

O Perigo de Tentar Ser Interessante

O perigo de tentar ser interessante é que, quando falha, as pessoas podem dizer. A sua escrita parece … desonesta. Não só é ineficaz a receber atenção, mas pode ser um tiro pela culatra com os seus leitores existentes. Se escrever muitos posts favoráveis, e vai deparar-se com alguns dos seus leitores a cancelar a subscrição do seu blog.

Já todos nós vimos isto antes. Às vezes, alguns bloggers começam a escrever posts especialmente para o Digg, o Reddit ou o Del.icio.us, e o seu blog inteiro transforma-se num gigantesco anzol com uma minhoca reluzente na ponta….. Ou tentam provocar controvérsia, esperando que alguns outros bloggers se liguem ao seu blog. Ou então escrevem posts de “Como fazer” sobre temas populares, mas acaba por lhes faltar toda a substância real.

Tudo isto é um exemplo de um blogger a tornar-se um aspirante. A pergunta é: porque é que acontece? Em certa medida, todos os bloggers desenham os seus posts para chamar a atenção de um público específico, mesmo aqueles blogs que estão na lista do Technorati 100. Para alguns, funciona. Para outros, não. Qual é a diferença?

Numa só palavra: AUTORIDADE.

Procurar a Sobreposição Entre Interesse e Autoridade

Sabe que para obter a atenção dos seus leitores tem de escrever tópicos sobre o que lhes pode interessar. Mantenha essa atenção ao escrever com autoridade.

Tome, por exemplo, os títulos dos posts do Brian. Antes de ser lançado o Copyblogger, montes de bloggers tinham abordado a importância do título na escrita, mas ninguém tinha explicado os princípios do copywriting que os faziam trabalhar. Quando o Brian começou a escrever sobre isso, todos prestaram atenção, não só porque os títulos são um tópico popular, mas porque ele era um blogger que podia escrever sobre o assunto com muito mais autoridade do que os outros todos.

Se quiser ser interessante sem soar como um aspirante, vai precisar de escolher o tópico certo e falar sobre isso com autoridade o que faz com que as pessoas a prestem atenção. Vai precisar de ambos. Deixar de fora um ou outro, e vai perceber que o post não é tão interessante como esperava que fosse.

As Duas Perguntas Mais Importantes Que Pode Fazer

Faça a si mesmo as seguintes perguntas (por ordem):

1. Quais são os maiores problemas e frustrações que os meus leitores enfrentam?
2. Como posso escrever sobre esses tópicos com autoridade?

Se puder responder a estas duas perguntas, então vai, provavelmente, ter uma boa ideia para um post no blog. Caso contrário, perceba que realmente não tem nada de interessante para dizer e procure outro tópico.

Os seus leitores vão-lhe agradecer por essa decisão.

Façam o favor de ser felizes!

About Rui Lemos

Rui Lemos, nasceu em Lisboa, Portugal, em 1959, sempre foi empreendedor desde tenra idade. Esta sua tendência para o negócio deu-lhe uma visão desempoeirada da vida, pois sempre pensou pela sua própria cabeça. Fez o liceu em Oeiras, perto da praia o que veio também a influenciar o seu desejo de liberdade e de gozar o tempo de lazer. Fez serviço militar na Força Aérea Portuguesa, na área da electrónica, foi profissional da IBM por quase 20 anos, a sua carreira foi de técnico de computadores, a técnico de software até gestor, sendo formador do Instituto IBM, autor de manuais técnicos e de vários livros, entre eles o Best Seller com 23 edições “O Fundamental do Windows 3.1″, conheceu o marketing de rede em 1983, mas não foi financeiramente compensador, ficou só o "bichinho". Voltou ao MMN, em 2004, com a Bia Pomar, sua mulher, onde conheceu a Cesarina e o Silvio Fortunato. Fez parte do grupo fundador do Magnet System e do Inner Circle, com a Bia Pomar e o Rui Gabriel, sendo hoje um profissional do internet marketing e do marketing multinível, é autor de vários blogs entre eles www.RuiLemos.com, um blog que fornece dicas sobre internet marketing, marketing multinível, formação e empreendedorismo para profissionais ou amantes do internet marketing e www.escritamilionaria.com dedicado ao Copywriting, Content Management, SEO Copywriting. Foi co-fundador do grupo de internet marketers Lazy Millionaires League que se dedicam a ajudar os novos a encontrar o seu caminho, é também afiliado All In do Empower Network.