Casal

Como Manter Um Relacionamento Saudável

Na Chave Para Uma Relação Saudável, nós falamos sobre como nos devemos concentrar apenas nas áreas que começaram o relacionamento em primeiro lugar. Estas são as áreas que constituem a base nas áreas de acordo entre as duas pessoas em questão. Por exemplo, se a conheceu num bar, o vosso interesse comum é ir para bares. Se a conheceu através de amigos, então o vosso interesse comum é sair com amigos. Se forem duas pessoas que fazem sexo a toda a hora, o vosso interesse comum é fazer sexo. Este artigo incidirá sobre como pode expandir esses interesses comuns, sem danificar irreversivelmente o seu relacionamento actual.

Para começar, vou usar o meu relacionamento com a minha mãe como um exemplo. Quando eu era pequeno, a minha mãe apoiou-me e permitiu-me crescer, mas nunca me compreendeu realmente muito bem (e tenho que assumir que o inverso também é verdadeiro). Aqui, os interesses comuns são o bem-estar do outro e as lembranças das experiências que tivemos juntos. Portanto, quando temos reminiscências do passado, ou compramos presentes, as coisas sempre são boas. No entanto, para além disso, tivemos pontos de vista radicalmente diferentes numa variedade de assuntos. Por exemplo, a minha mãe é muito mais conservadora com o dinheiro, porque ou não o teve ou lidou pouco com ele, enquanto eu sou muito mais liberal e agressivo a investi-lo. Isto foi um foco de discussão quando eu estava a crescer. Tínhamos discussões a cada par de dias às vezes sem sabermos a razão ou porque sim.

No entanto, sentado aqui hoje a escrever este artigo, nós ainda somos mãe e filho. Não há nenhum sentimento ferido entre nós e o nosso relacionamento é melhor do que nunca. Então, como pode ser? Bem, nós tivemos a política de ir para a cama e, no dia seguinte, acordar e esquecer tudo que aconteceu. Muita das vezes, as lutas eram sobre coisas sem importância, tal como no artigo anterior. Portanto, depois de acordarmos, não há realmente nada para discutir, era só deixarmos os sentimentos desaparecem e continuarmos. Claro que alguns deles eram questões importantes e apareceriam mais tarde, ou acabávamos por os resolver.

Um Relacionamento Saudável Faz-nos Pensar

O ponto principal aqui é que depois de entrarmos em áreas onde tivemos graves desentendimentos, tivemos sempre uma forma para recuar – só dormir sobre o assunto e esquecê-lo. Enquanto o assunto não exigir uma acção imediata, isto deve ser uma maneira eficaz de o redefinir para voltar ao que era.

Claro, isso depende de as duas pessoas serem capaz de deixar ir o assunto. E se a outra pessoa decide ficar com raiva de si? Bem, vou usar uma outra história para isso.

Quando estava no liceu, a minha mãe dava-se muito com uma vizinha de um andar de cima do nosso prédio. Infelizmente, um daqueles dias, tive uma discussão muito grande com uma das suas filhas, e as duas famílias deixaram de se falar. No entanto, mais uma vez, a discussão era sobre questões triviais, que podiam ser descartadas. A minha mãe, sabendo disso, fez um bolo e ofereceu-o à nossa vizinha. A vizinha ainda andava um pouco irritada. E sempre que eu voltava do liceu e vinha para casa, lá a encontrava a passear o cão no jardim e tinha de a ignorar.

Felizmente, a minha mãe era mais experiente em matéria de relacionamentos e disse-me para sorrir e dizer “Olá” sempre sem importar qual fosse a reacção dela. Observe que esta é a mesma coisa que eu descrevi em Faça as Pessoas Confortáveis Por as Cumprimentar Bem. Algumas semanas depois, a coisa toda explodiu. Hoje, minha mãe e a vizinha são ainda boas amigas, tal como eu e a sua filha.

A moral da história é que mesmo se a outra pessoa fica com raiva, temos de manter a calma. Afinal, é preciso duas pessoas para ter uma discussão, por isso, se um de nós recuar, então já não haveria nenhuma discussão. Os sentimentos de raiva vão embora eventualmente e é o que acontece a seguir que importa. No entanto, esse ponto só ocorre algum tempo depois no futuro, daí a necessidade de não piorar as coisas até esse ponto no tempo. Ao dizer “Olá” à vizinha de todas as vezes que passei por ela, estava-lhe a dizer indirectamente que preferiria um feliz relacionamento entre nós e ela seria bem-vinda a falar-me de forma educada e contente a qualquer momento.

Trabalhar o Relacionamento

A chave mestra é manter as coisas abertas. Deixe a que outra pessoa saiba que está aberto a retornar ao relacionamento mais feliz que tinha antes do desacordo. Afinal, quem quer andar irritado em vez de feliz e contente? Crie um ambiente mais fácil para a outra pessoa ser feliz consigo em vez de ficar aborrecido ou irritado consigo.

Em pouco tempo, as coisas voltarão ao normal e descobriu uma área onde os dois provavelmente devem evitar ir no futuro (supondo que não é terrivelmente importante).

Num próximo artigo, falarei sobre o que acontece quando uma das pessoas começa a alterar um interesse que têm em comum consigo.

Membro Fundador do Lazy Millionaires League

 

 

 

 

 

Se desenvolves internet marketing ou marketing de rede e queres ter um mentor profissional que te dê aquilo que te falta para teres sucesso, vê o que este grupo revolucionário de pessoas está a fazer. Se tudo isto é uma novidade para ti e te despertou a curiosidade de aprender, recebe 8 Vídeos grátis que te explicam tudo duma forma simples.

Alternativamente podes ver aqui o poder do Internet Marketing e do projecto que transforma vidas todos os dias. Dá o passo em frente e escolhe o teu Mentor que te fará criares um Relacionamento Saudável.

About Rui Lemos

Rui Lemos, nasceu em Lisboa, Portugal, em 1959, sempre foi empreendedor desde tenra idade. Esta sua tendência para o negócio deu-lhe uma visão desempoeirada da vida, pois sempre pensou pela sua própria cabeça. Fez o liceu em Oeiras, perto da praia o que veio também a influenciar o seu desejo de liberdade e de gozar o tempo de lazer. Fez serviço militar na Força Aérea Portuguesa, na área da electrónica, foi profissional da IBM por quase 20 anos, a sua carreira foi de técnico de computadores, a técnico de software até gestor, sendo formador do Instituto IBM, autor de manuais técnicos e de vários livros, entre eles o Best Seller com 23 edições “O Fundamental do Windows 3.1″, conheceu o marketing de rede em 1983, mas não foi financeiramente compensador, ficou só o "bichinho". Voltou ao MMN, em 2004, com a Bia Pomar, sua mulher, onde conheceu a Cesarina e o Silvio Fortunato. Fez parte do grupo fundador do Magnet System e do Inner Circle, com a Bia Pomar e o Rui Gabriel, sendo hoje um profissional do internet marketing e do marketing multinível, é autor de vários blogs entre eles www.RuiLemos.com, um blog que fornece dicas sobre internet marketing, marketing multinível, formação e empreendedorismo para profissionais ou amantes do internet marketing e www.escritamilionaria.com dedicado ao Copywriting, Content Management, SEO Copywriting. Foi co-fundador do grupo de internet marketers Lazy Millionaires League que se dedicam a ajudar os novos a encontrar o seu caminho, é também afiliado All In do Empower Network.